Quarta-feira, 23 de Agosto de 2017 -
ESCLARECIMENTOS

Metabase orienta aposentados por invalidez sobre novas perícias do INSS

16/09/2016 09h44
ACOM METABASE
Representantes do sindicato conversaram com aposentados e explicaram sobre avaliação do governo federal

A direção do Sindicato Metabase de Itabira e Região realizou nessa quinta-feira, 15 de setembro, uma reunião com os aposentados por invalidez da Vale, para falar a respeito da medida provisória 739/2016, que determina a convocação para avaliação das condições que motivaram o afastamento, a concessão ou a manutenção do benefício, seja ele auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez. 

A intenção do encontro, segundo o presidente interino do Metabase, Marcos dos Santos Oliveira “Marcão”, é tranquilizar os associados e orientá-los no que deve ser feito caso sejam convocados pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). O encontro também contou com as orientações da coordenadora jurídica do Metabase, a advogada Rosilene Félix.

O presidente interino lembrou que a convocação imposta pelo Governo Federal poderá ocorrer a qualquer momento para os beneficiários com idade inferior a 60 anos, que já estejam recebendo qualquer um dos dois benefícios há mais de dois anos sem ter passado por novas perícias a partir daquela que concedeu o auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez.

“Nosso objetivo é tranquilizar essas pessoas, para que ninguém fique olhando a internet e se preocupando em saber se o seu nome está em alguma lista. O que nós orientamos é que eles fiquem em casa, se munam de documentos médicos atualizados para que quando for chamado ele possa comprovar que continua incapaz”, ressaltou Marcão.

Segundo Rosilene Félix, além dos documentos médicos atualizados, os aposentados por invalidez devem procurar o advogado previdenciário disponível no Sindicato Metabase para fazer uma nova contagem de tempo, como forma de avaliar a possibilidade de reverter a aposentadoria por invalidez para a aposentadoria por tempo de trabalho prestado.

“Orientamos que aqueles que têm um tempo maior de aposentadoria, que procurem o nosso advogado especialista para fazer uma contagem de tempo, porque é possível a pessoa que está aposentada por invalidez por muitos anos aproveitar este tempo, sendo possível enquadrar no somatório do tempo e idade segundo a legislação previdenciária”, destacou a advogada.

Saiba mais

Segundo a União, hoje existem três milhões deste tipo de benefícios pagos por mais de dois anos e que provocam gastos mensais de R$ 3,6 bilhões. Ainda de acordo com informações divulgadas pelo Governo Federal, haverá revisões dos auxílios-doença, fixando prazo máximo de 120 dias para pagamento quando o benefício for concedido pela Justiça sem data de suspensão. Caso o segurado não peça a manutenção, o auxílio será automaticamente cancelado. Os beneficiários mais antigos serão os primeiros convocados para reavaliação médica. O INSS enviará cartas para esses segurados. De acordo com o governo, são 840 mil que recebem auxílios-doença há mais de dois anos, representando despesa de R$ 1 bilhão.

Se você não tem Facebook, utlize o formulário abaixo para comentar.
08/08/2017 - 18h31
edirlene gonçalves
vespasiano mg
Sou aposentada por invalidez por retinose pigmentar e tenho 44 anos corro muitos riscos? GRATA
1 0
17/09/2016 - 11h18
jose rodrigues alves
NATAL RN
SOU APOSENTADO POR INVALIDEZ,COM 59 ANOS POSSO SER CONVOCADO PARA PERICIA, POIS A MAIS DE 2 ANOS NAO FIZ REVISAO.SUGIRO QUE POR BONDAE MNTENHAM-ME INFORMADO. OBRIGADO.
3 1
09/08/2017 - 21h20
sebastião hilário de souza
itabira
Quem recebe a aposentadoria por invalidez há mais de dois anos e não passou por avaliação médica receberá do INSS uma carta de convocação, com aviso de recebimento. Depois dessa notificação, os beneficiários terão cinco dias úteis para agendar a perícia pelo telefone 135 da Previdência Social. A ligação de telefone fixo é gratuita e a de celular tem custo de ligação local.
0 0
17/09/2016 - 11h15
jose rodrigues alves
NATAL RN
quero que por gentileza mantenham-me informado sobre o pente fino do inss, pois, sou aposentado por invalidez e estou com 59 anos e mais de dois anos sem revisao. posso ser chamado para pericia?
9 4
17/09/2016 - 07h39
Agnaldo amazonas
Boa esperança MG
Sou aposentado por invalidez (hérnia de disco) quando aposentei era autônomo, estou aposentado a 15 anos,esse tempo será contado como tempo de serviço?
19 13
17/09/2016 - 06h06
Valdir de lima
Cuiabá mt
Quero ajuda pra aposentaria
1 3
17/09/2016 - 06h04
Valdir de lima
Cuiabá mt
Valdir recebo auxilio doença a mais de dois anos ,passo por pericia de seis em seis meses ,o perito do INSS falou que eu não tenho possibilidade de trabalhar mais na minha área. Fiz duas sirugia dos. Dois joelhos. Posso .tenho 17. Anos de contribuição .sou vigilante .tenho aposentadoria especial . tenho 48 anos .posso me. Aposentar por tempo de serviço.
5 3
16/09/2016 - 22h16
antonino c benevides
Mossoró / rn
Estou aposentado por invalidez cod 32 a 16 anos e trabalhei 13 anos em regime de turno (sonda) trabalhava 15 dias e fogava 15 dias e trabalhei 3 anos em regime admistrativo tenho hoje 48 anos . posso mandar o tipo de aposentadoria de invalidez por tempo de contribuição?. Fico agradecido se mim responder .aguardando o retorno
15 14
Novo comentário
Sou cadastrado
Não sou cadastrado
Comentário
Leia mais em: Emprego
Mais
Emprego