Sábado, 1 de Novembro de 2014 -
ITABIRA E REGIÃO

Corpo de Bombeiros vai reforçar a segurança para o Carnaval

03/02/2014 14h26
Tatiana Santos
TATIANA SANTOS/DEFATO
Tenente Washington: nova Unidade de Resgate entrará em operação tão logo seja licitada a compra do combustível
Galeria de fotos
Se em Minas não tem mar, muitos foliões aproveitam os rios e cachoeiras para se refrescar no calor do Carnaval. Por causa do movimento típico do feriado em várias cidades da região, como Santa Maria de Itabira, São Domingos do Prata e Itambé do Mato Dentro e outras, o Corpo de Bombeiros de Itabira receberá reforços.
 
De acordo com o comandante da corporação, tenente Eliseu Washington, o quantitativo de militares dependerá da solicitação das prefeituras. Ele lembra que normalmente são distribuídos entre 16 e 18 bombeiros entre as cidades, incluindo os distritos itabiranos de Ipoema e Senhora do Carmo. São cerca de quatro homens para cada município.
 
O comandante ressaltou a importância da prevenção e da conscientização dos banhistas quanto aos riscos de afogamentos nos balneários da região. Em Santo Antônio, um jovem de 19 anos desapareceu no rio enquanto nadava nesse domingo, 2 de fevereiro, com amigos. O corpo ainda não foi encontrado.

Unidade de Resgate
No final do ano passado, o 4º Pelotão recebeu do Governo do Estado uma Unidade de Resgate (veículo Fiat Ducato), que utiliza óleo diesel S10 (biocombustível) que atenderá Itabira e mais 18 municípios da região. “É mais um mecanismo de socorro. Dá um suporte maior para atender às ocorrências”, declarou tenente Washington.
 
O veículo ainda não está em condições de ser colocado em operação porque a corporação não tem contrato licitado para aquisição do combustível. Para começar a rodar, uma licitação deverá ser realizada para contratar uma empresa que fornecerá o óleo diesel. O 4º Pelotão conta com um total de sete veículos para salvamento, combate a incêndio e prevenção.
 
Dicas do Corpo de Bombeiros sobre afogamentos:
-Procure um local conhecido por você ou por outra pessoa, desde que ela o acompanhe;
-Não ultrapasse faixas e placas de avisos;
-Não entre em locais onde há avisos de perigo de morte ou em águas poluídas;
-Procure sempre local onde existe a presença de Guarda-Vidas, ou o Corpo de Bombeiros;
-Evite nadar sozinho;
-Não ingerir bebida alcoólica antes de entrar na água;
-Não se afaste da margem;
-Não salte de locais elevados para dentro da água;
-Não tente salvar pessoas em afogamento sem estar devidamente habilitado;
-Identifique nas proximidades a existência do salva-vidas e permaneça próximo a ele;
-Evite brincadeiras de mau gosto ("caldos", "trotes", "saltos");
-Acate as orientações dos Bombeiros ou dos Salva-vidas;
-Não deixe as crianças sozinhas.
Notícias relacionadas
Se você não tem Facebook, utlize o formulário abaixo para comentar.
Você pode ser o primeiro a comentar.
Novo comentário
Sou cadastrado
Não sou cadastrado
Comentário
Leia mais em: Cidade
Mais
Emprego